© 2019 by neoPDV

O que é Sat e diferença para NFc-e

Atualizado: 6 de Nov de 2019

Se você já ouviu falar sobre SAT Fiscal e está na duvida do que se trata? nós do neoPDV vamos te ajudar de forma simples e clara o que é o projeto SAT-CFe (Sistema Autenticador e Transmissor – Cupom Fiscal Eletrônico).

SAT-CFe é um uma nova obrigatoriedade para o estado de São Paulo. O projeto SAT consiste no aparelho que irá autenticar cada venda feita no estabelecimento, ou seja, antes da venda ser concluída, o software de automação como o neoPDV deve enviar um arquivo contendo as informações sobre a transação para este equipamento, e ele irá autorizar(ou não) a operação.


Ele vem para substituir o ECF, também conhecido como "Impressora Fiscal". Uma das diferenças entre o SAT e a NFC-e(Nota Fiscal do Consumidor Eletrônica) é que o ele não depende da conexão com a internet a todo momento, podendo armazenar as operações em sua memória interna, e envir de tempo em tempo ao sefaz do estado quando detectar a comunicação com a internet. Dessa forma consegue também agilizar na busca do documento fiscal no programa Nota Fiscal Paulista não esperando o período das Impressoras Fiscais, que da o prazo para o contribuinte de até o dia 19 do mês sequinte a venda para enviar as informações ao fisco, sendo que com o SAT essa transmissão praticamente automática e, dependendo apenas da disponibilidade de internet. O Fisco pretende com esta tecnologia, que o consumidor faça consultas de suas notas fiscais recebidas, e com isso coibir a emissão de documentos sem valor fiscal.


Quem é obrigado a utilizar?


Desde meados de julho de 2015, alguns ramos de atividade vem sendo obrigados a substituir os atuais Emissores de Cupom Fiscal pelo Sat,e mais abaixo as datas mais relevantes para as mudanças:

  • · 01/10/2015 – ECFs com mais de 5 anos da primeira lacração devem ser trocados pelo SAT;

  • · 01/01/2016 – Estabelecimentos que faturaram 100 mil ou mais em 2015;

  • · 01/01/2017 – Estabelecimentos que faturaram 80 mil ou mais em 2016;

  • · 01/01/2018 – Estabelecimentos que faturaram 60 mil ou mais em 2017.


O que preciso para utilizar o SAT Fiscal?


  • · Computador com porta USB disponível;

  • · Software deu automação comercial como o neoPDV

  • · Internet;

  • · Kit Sat (Sat + Impressora)


Mas o que é o SAT então?


O Sat é um equipamento que gera e autentica, por meio de Certificado Digital próprio, o Cupom Fiscal Eletrônico (venda gerada pela sua automação comercial) – SAT (CF-e-SAT) e envia automaticamente à Secretaria da Fazenda (SEFAZ), via Internet. O equipamento não possui impressora interligada, tendo o contribuinte que adquirir em separado a impressora.

Mas o que muda na prática?

Muda algumas coisas, como por exemplo a concomitância(Impressão linha a linha de cada item ao ser passado no seu sistema de vendas)

Com o SAT instalado teremos as seguintes etapas:

  • · Cliente Efetua a Compra;

  • · Sistema de automação comercial como o neoPDV envia os dados da venda para o SAT;

  • · SAT:

  • · Compreende as informações e analisa se esta tudo em conformidade;

  • · Assina e gera chave de acesso (Cria CF-e-SAT);

  • · Armazena a informação;

  • · Retorna o ok ao sistema de automação;

  • · Transmite para o SEFAZ;

  • · Sistema de automação manda comando de impressão do comprovante da venda para a impressora para ser entregue ao cliente.

Todas essas etapas são feitas em pouquíssimos segundos com o neoPDV, não afetando o atendimento no seu caixa.


7 visualizações